Dicas para aprender um bom espanhol

Durante meus três anos de curso muitas pessoas me questionaram se era difícil de aprender o espanhol, outras diziam que o mesmo era muito semelhante ao português, então não precisaria me aprofundar nos estudos da nova língua.

Deixei as opiniões alheias de lado e me dediquei. No decorrer da minha aprendizagem pude perceber que o espanhol é bem semelhante ao português, só que claro, uma pessoa que quer se tornar fluente não baseia seu conhecimento apenas no que se aprende dentro de sala de aula, mas sim busca informações e novos meios de se aprofundar na língua desejada.

Seguem abaixo algumas lições que foram úteis para mim:

Não deixe a vergonha te atrapalhar

Pessoas tímidas, muitas vezes deixam de praticar; então um meio bem curioso pra resolver o problema é gravar um áudio com a pessoa pronunciando algo, e assim corrigindo a si mesma. A timidez passa com o tempo, “por supuesto” com muita força de vontade e dedicação.

Não deixe seu conhecimento limitado

Busque informações, pesquise, procure, converse com nativos, ou alguem que tenha boa fluência; não deixe seu conhecimento limitado à sala de aula.

Resultados não aparecem de um dia para o outro

Três anos não foram suficientes para minha aprendizagem, por isso até hoje estudo espanhol, mas como auto-didata, portanto a perseverança é essencial durante a aprendizagem.

¡Hasta!

Sobre o Autor: Luan Boracini, 14 anos, formado no curso de espanhol pelo CEL – Centro de Estudos de Línguas da cidade de Santa Fé do Sul e estudante de Inglês pelo CNA – Cultural Norte Americano.

Autor

Autor Convidado

Este artigo foi escrito por um Autor Convidado. Confira o nome do autor no rodapé do texto acima. Seja um colaborador, clique aqui e saiba como participar.

Mostrar 8 comentários

  • 06/03/12  
    Adriano Acioli diz: 1

    Olá a todos!
    Gostaria de perguntar, o autor só tem 14 anos, é isso? rs
    Brincadeiras à parte, é melhor só dar uma consertadinha e não publicar este comment ;B
    Abs!

    p.s.:muito bom saber que o dicas de espanhol está de volta! ;)

  • 06/03/12  
    Patty diz: 2

    Caramba 14 anos? um exemplo. Parabéns!

  • 06/03/12  
    Luis Henrique diz: 3

    Também me impressionei com a idade do autor tendo em vista a seriedade com que vê o estudo do idioma espanhol.
    Mas, voltando ao assunto…
    Concordo plenamente, principalmente com a dica de não se limitar à sala de aula. Sempre digo aos meus alunos que as 2:30 semanais não são suficientes para aprender um bom espanhol. Atualmente estou estudando inglês e dedico no mínimo 30 min diários à alguma atividade (leitura, compreensão auditiva ou as tarefas de casa mesmo) e isso tem me dado ótimos resultados.

  • 06/03/12  
    Eliana Melo diz: 4

    Olá!
    Parabéns autor, para quem quer conhecimento não tem idade.
    Obrigada pelas dicas!!

  • 10/03/12  
    wellington diz: 5

    antes de mais nada gostaria de parabenizar o autor, gostaria de ter essa seriedade e dedicaçao ja aos 14 anos!

    e uma dica que me ajudou e continua ajudando muito é ter um diario, onde todo dia escrevo em espanhol e tenho alguem para corrigir..
    e sempre estou lendo sites em espanhol,

  • 14/03/12  
    jhonny diz: 6

    Parabéns. Moro em buzios a 7 meses e ja pequei bastande espanhol. nao e dificil basta a pessoa querer. sou barmem e garçom. e agora estou fazendo um curso de ingles(particular) esses dois sao fundamentais para uma vida melhor em cidades praianas. terminando o meu curso de ingles. vou trabalhar em plataformas de gringos…
    bons estudos e se dediquem ao que gostem.. pelo menos 30minutos ao dia.

    • 14/03/12  
      Alessandro diz:

      Oi Jhonny,

      Tive que remover o seu email, senão os spambots vão inundar sua caixa de entrada.

      Obrigado pelo comentário e sucesso nos estudos!

  • 24/03/12  
    Caah diz: 7

    ¡Te felicito, chiquito! Tan jovencito y me parece que hablas tan bien los dos idiomas, el nativo y el español…ahora te deseo suerte con el inglés xD